Croácia vence Japão nos pênaltis e vai às quartas de final da Copa do Mundo

Goleiro da seleção da Croácia Dominic Livakovic defende pênalti cobrado por Kaoru Mitoma, do Japão, durante decisão por pênaltis entre as seleções dos dois países nas oitavas de final da Copa do Mundo do Catar

Por Hritika Sharma

AL WAKRAH, Catar (Reuters) - O goleiro da seleção da Croácia Dominik Livakovic defendeu os pênaltis cobrados por Takumi Minamino, Kaoru Mitoma e Maya Yoshida antes de Mario Pasalic marcar o pênalti decisivo na vitória croata por 3 x 1 na cobrança de pênaltis sobre o Japão nesta segunda-feira, que levou a equipe europeia às quartas-de-final da Copa do Mundo do Catar.

Com a partida empatada em 1 x 1 após os 90 minutos e os acréscimos regulamentares, Mitoma foi quem mais se aproximou de quebrar o impasse durante a meia hora de prorrogação, forçando Livakovic a desviar seu potente disparo.

Durante o tempo regulamentar, Daichi Kamada desperdiçou uma chance chutando para fora após um contra-ataque japonês minutos antes de Daizen Maeda merecidamente colocá-los na frente aos 43 minutos, atirando de perto após Ritsu Doan fazer um cruzamento na área.

O atacante croata Ivan Perisic, que teve uma finalização defendida pelo goleiro japonês Shuichi Gonda no início da partida, empatou no segundo tempo com uma cabeçada forte após cruzamento de Dejan Lovren.

A Croácia enfrentará nas quartas de final o vencedor do duelo entre Brasil e Coreia do Sul, que se enfrentam ainda nesta segunda-feira.