Ao notar que cruzeiro não seguia protocolo contra Covid-19, casal ‘fugiu’ antes de possível surto

·1 min de leitura
Casal alega que cruzeiro de luxo não seguia protocolos de segurança contra Covid-19 - Foto: Reprodução/TV Globo
Casal alega que cruzeiro de luxo não seguia protocolos de segurança contra Covid-19 - Foto: Reprodução/TV Globo

Ao perceber que o navio MSC Splendida, que fazia um cruzeiro de Réveillon, não seguiu os protocolos de prevenção contra a Covid-19, a empresária Sofia Maria Dias Nadelicci, de 20 anos, e o namorado, o estudante Ademar Gandra dos Santos Silva, de 24 anos, que estavam a bordo ‘fugiram’ da embarcação com receio de um surto da doença.

Após mudar o roteiro do cruzeiro de Réveillon e retornar às pressas ao Porto de Santos, no litoral de São Paulo, para o desembarque dos passageiros, o MSC Splendida também teve a nova viagem que faria suspensa, depois de cerca de 2 mil passageiros esperarem horas pelo embarque no último domingo (2).

Em seguida, o navio se dirigiu à área de fundeio do cais santista para cumprir quarentena determinada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com Sofia, ela e o namorado, o estudante Ademar Gandra dos Santos Silva, de 24 anos, deixaram o navio antes de "dar problema", pois notaram que corriam risco de contrair Covid-19.

Segundo a empresária, os elevadores do navio ficavam lotados, havia muitas pessoas que não faziam uso de máscaras e no momento das outras refeições, o espaço de alimentação também ficava lotado, assim como a área da piscina.

Ainda segundo a empresária, outros passageiros, de uma viagem anterior à de Ano Novo, seguiam isolados no navio por conta da Covid.

De acordo com nota divulgada pela Anvisa, investigações conduzidas nos últimos dias demonstram que o vírus Sars-Cov-2 se espalha facilmente entre pessoas próximas a bordo de navios, e que a chance de contrair Covid-19 nos cruzeiros é alta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos