Cruzeiro receberá proposta de Arena da Prefeitura de Betim

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Prefeitura de Betim irá oferecer PPP a Ronaldo para que Arena do Cruzeiro seja construída.
Prefeitura de Betim irá oferecer PPP a Ronaldo para que Arena do Cruzeiro seja construída. Foto: (Pedro Vilela/Getty Images)

Nos próximos dias, uma proposta atrativa para o Cruzeiro deve ser entregue pela Prefeitura de Betim. O sonho da casa própria pode se realizar e a Raposa pode, além de evitar os gastos que tem para mandar seus jogos no Mineirão, faturar cerca de R$ 150 milhões no ato da assinatura da parceria público-privada (PPP). Com o apoio de um investidor internacional, de acordo com informações publicadas pelo portal O Tempo, a expectativa da prefeitura da cidade que fica na região metropolitana de Belo Horizonte é que, até o próximo mês, o anúncio da construção de mais uma arena multiuso em Minas Gerais seja feito.

Segundo o prefeito da cidade, Vittorio Medioli (sem partido), a arena já teria local definido e a prévia aprovação da Prefeitura de Betim. A menos de dez quilômetros de onde está sendo construída a Arena MRV, do Atlético Mineiro, o local de 100 mil metros quadrados fica ao lado da Via Expressa. O projeto prevê capacidade de 45 mil torcedores em partidas de futebol e até 52 mil pessoas para shows.

Leia também:

Em entrevista, o prefeito declarou que o custo estimado da Arena seria de R$ 450 milhões, com previsão de construção em 24 meses. A ideia é de apresentar a proposta para Ronaldo, dono da SAF (Sociedade Anônima do Futebol) do Cruzeiro: "Vamos propor uma reunião com o Ronaldo e apresentar a possibilidade de parceria e conhecer todo o projeto. Temos um parceiro internacional extremamente motivado e a prefeitura, que tem a gestão ambiental própria, pode acelerar a construção. O acesso é ótimo e fica, em linha reta, a poucos quilômetros de onde o Atlético está construindo sua arena. O local é bem servido com transporte público, avenidas largas, infraestrutura completa, shopping e outros espaços para desenvolver essa indústria do lazer e do esporte. De qualquer forma, o estádio já se viabiliza com o uso para diversões e a parceria proposta ao Cruzeiro é de anular qualquer despesa com aluguel do estádio e, ainda, receber 80% da renda líquida de bilheteria. A venda de propriedade pode dar ao Cruzeiro o dinheiro que falta para sair do sufoco e decolar para uma nova vida".

Dívida do clube será paga em 14 anos, diz estudo

Um estudo divulgado nesta terça-feira feito pela Sport Track, encomendado pela consultoria Convocados, em parceria com a XP Investimentos, apontou que o pagamento total da dívida que o Cruzeiro possui ativamente seria feito em 14,4 anos se o clube mineiro mantivesse sua média de receitas dos últimos quatro anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos