Cuca no Flamengo: última passagem durou sete meses e foi marcada por má relação com jogadores; relembre

Nome mais forte entre os possíveis substitutos do demissionário Paulo Sousa, o técnico Cuca não deixou boas lembranças em suas duas passagens pelo Flamengo em 2005 e em 2009. Apesar de ter conquistado seu primeiro título de expressão no rubro-negro, com o tricampeonato carioca de 2009, as relações com diretoria e elenco foram determinantes para sua saída nas duas ocasiões.

A primeira experiência do Flamengo com Cuca foi relâmpago. Em 2005, o técnico comandou o time em apenas 12 partidas, cinco vitórias, quatro empates e três derrotas (52% de aproveitamento). Dois meses depois, ele deixou o clube por falar demais em entrevistas que o elenco precisava de reforços.

Quatro anos depois, ele iniciou a temporada no lugar de Caio Júnior, demitido no final de 2008. Novamente, Cuca caiu por não medir as palavras e gerar um clima de desconfiança entre os jogadores. Praticamente todo o elenco do Flamengo, formado por Bruno, Léo Moura, Juan, Ronaldo Angelim, Fabio Luciano, Ibson, Adriano, entre outros, teve alguma divergência com o treinador.

Mesmo com o tricampeonato carioca em 2009, em abril, a relação não melhorou. Inclusive, na final do estadual contra o Botafogo, Cuca e Ibson se desentenderam no intervalo, por críticas constantes do treinador ao volante ao longo do primeiro tempo, e o jogador ameaçou não voltar para a etapa final. Porém, foi contido pelos companheiros.

À época, veio à tona vários problemas de relacionamento do treinador com seus comandados. Cuca, internamente, era acusado de falar mal dos jogadores pelas costas e reclamava abertamente da falta de comprometimento dos atletas nos treinamentos. Inclusive, expôs o atacante Adriano por seus atrasos constantes.

O tricampeonato carioca não foi suficiente para aparar as arestas. A campanha ruim no Brasileiro acabou sendo determinante. Após 39 partidas, o técnico deixou o clube com aproveitamento de 59,8% ( 19 vitórias, 13 empates e sete derrotas) e na 11ª posição do campeonato nacional.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos