Curado da Covid-19, cantor gospel Flávio Camargo morre de pneumonia

Extra
·1 minuto de leitura

O cantor gospel Flávio Camargo morreu na última terça-feira, dia 19, aos 33 anos, de pneumonia. O artista estava internado no Hospital Miguel Couto, no Rio de Janeiro, desde o dia 5 de janeiro, como informaram familiares à "Marie Claire". O carioca estava com mais de 90% dos pulmões comprometidos por uma infecção. Com a gravidade do caso, Flávio precisou ser transferido para a UTI do Hospital Ronaldo Gazolla.

A internação por pneumonia aconteceu quatro meses depois do diagnóstico de coronavírus. Em setembro do ano passado, o cantor foi internado por ter 80% dos pulmões comprometidos. O tratamento deu resultado e Flávio recebeu alta médica.

Nas redes sociais, familiares e amigos lamentaram a perda.

"Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé", diz o versículo bíblico que acompanha a imagem do cantor em última postagem no Instagram.

Flávio Camargo deixa a esposa e um filho.