Dólar cai para R$ 5,23 e fecha no menor valor do ano

Logo Agência Brasil
Logo Agência Brasil

O mercado financeiro teve mais um dia de alívio, após a primeira reunião ministerial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a divulgação de dados econômicos nos Estados Unidos. O dólar teve forte queda e fechou no menor valor do ano. A bolsa de valores aproximou-se dos 109 mil pontos e praticamente zerou as perdas na semana.

O dólar comercial encerrou esta sexta-feira (6) vendido a R$ 5,236, com recuo de R$ 0,116 (-2,16%). A cotação operou em queda durante toda a sessão, fechando na mínima do dia.

Com o desempenho de hoje, a moeda norte-americana está no menor nível desde 26 de dezembro. A divisa acumula queda de 0,79% na primeira semana de 2023. As fortes altas de segunda (2) e terça-feira (3) foram revertidas nos dois últimos pregões.

O mercado de ações também teve um dia de euforia. O índice Ibovespa, da B3, fechou aos 108.964 pontos, com alta de 1,23%. Após cair para 104,1 mil pontos na quarta-feira (4), o indicador fechou a semana com recuo de apenas 0,7%.

Tanto fatores internos como externos beneficiaram o mercado financeiro. No cenário doméstico, as declarações do presidente Lula de que o governo terá o compromisso de reunificar o país e ter uma boa relação com o Congresso amenizou os ânimos, um dia após ministros recuarem de declarações de que pretendiam rever reformas adotadas nos últimos anos.

No exterior, as bolsas norte-americanas subiram após a divulgação de que a economia dos Estados Unidos criou 223 mil empregos fora do setor agrícola em dezembro. O número veio dentro das previsões dos analistas e diminuiu o receio de que o Federal Reserve (Fed, Banco Central norte-americano) mantenha os juros da maior economia do planeta altos por mais tempo que o previsto.

*Com informações da Reuters