Dólar opera em queda, após dados de emprego abaixo do esperado nos EUA; Ibovespa tem volatilidade

·3 minuto de leitura

RIO — Após a divulgação de dados do relatório de empregos de maio, o chamado “payroll”, nos Estados Unidos abaixo do esperado, o dólar opera em queda ante o real nesta sexta-feira.

Por volta de 10h35, a moeda americana era negociada a R$ 5,06, baixa de 0,29%. No mesmo horário, o índice Ibovespa cedia 0,14%, aos 129.416 pontos, mas sem mostrar uma direção clara.

Segundo o Departamento de Trabalho americano, os EUA criaram 559 mil vagas no mercado de trabalho em maio, abaixo do esperado pelo mercado, que previa um número acima dos 650 mil postos.

Para o analista da Toro Investimentos, Lucas Carvalho, o dado deve reduzir a pressão para que o Federal Reserve, banco central americano, reduza os estímulos dados à economia durante a pandemia.

— O número abaixo do esperado diminui a pressão para que o Fed pare com os programas de estímulo à economia.

A taxa de desemprego caiu para 5,8% no mês, ante os 6,1% registrados em abril.

“Esperamos um dia de viés neutro/positivo para ativos de risco locais, que terão desempenhos condicionados à agenda econômica externa desta manhã”, escreveram analistas da Guide Investimentos, em nota matinal.

Ações

Entre as ações, as ordinárias da Petrobras (PETR3, com direito a voto) cediam 0,45% e as preferenciais (PETR4, sem direito a voto), 0,36%.

As ordinárias da Vale (VALE3) tinham baixa de 0,38%, influenciadas pela queda na cotação do preço do minério de ferro na China.

Nas baixas, estavam os papéis ordinários da BRF (BRFS3), que cediam 3,51% e os da Marfrig (MRFG3), com queda de 0,79%.

A Marfrig informou em fato relevante ao mercado, nesta quinta-feira, que atingiu a marca de 31,66% do capital social da BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, via leilão e bolsa de opções.

Se as opções forem exercidas, a Marfrig se consolidaria como a maior acionista da BRF, possuindo quase um terço do capital social da empresa. Isso poderia acionar o “posion pill” (ou pílula venenosa, em tradução livre), um instrumento de estímulo à dispersão acionária.

Cenário Fiscal: Inflação e PIB maior que o esperado aliviam as contas públicas

O instrumento está incluído no estatuto social da BRF e determina que qualquer acionista que se torne titular de 33,33% das ações da empresa terá de divulgar o fato e e lançar, em até 30 dias contados a partir da aquisição mais recente, uma oferta pública de aquisição (OPA) para todos os demais acionistas.

No comunicado, no entanto, a empresa de Marcos Molina reafirmou que o objetivo da operação é diversificar os investimentos em um setor complementar, adotando uma postura mais defensiva e de não interferência na administração da BRF.

Bolsas no exterior

As bolsas americanas operavam em alta no início desta sexta-feira. Por volta de 11h, no horário de Brasília, o índice Dow Jones subia 0,25%. No S&P, havia alta de 0,62% e, em Nasdaq, de 1,15%.

Na Europa, as bolsas operam no negativo, mas próximas à estabilidade.Também por volta de 11h, em Brasília, a Bolsa de Londres cedia 0,12%. Em Frankfurt, havia queda de 0,01% e, em Paris, de 0,08%.

As bolsas asiáticas fecharam sem direção única. O índice Nikkei, da Bolsa de Tóquio, caiu 0,4%. Em Hong Kong, houve queda de 0,17% e, na China, alta de 0,21%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos