Da Índia ao Reino Unido, o resgate da pequena cadela Rocky

·1 minuto de leitura
A cadela "Rocky" com suas próteses no abrigo da associação People for Animals, em Faridabad, Índia
A cadela "Rocky" com suas próteses no abrigo da associação People for Animals, em Faridabad, Índia

Uma jovem cadela de rua, gravemente ferida por um trem e cujo resgate emocionou as redes sociais na Índia, encontrou uma casa de abrigo no Reino Unido, segundo a associação de ajuda aos animais que a atendeu.

A cadela de três anos teve que amputar as duas patas dianteiras e acaba de sair de um ano de tratamento durante o qual voltou a caminhar com suas próteses, explica à AFP Ravi Dubey, presidente do People for Animals India (PFA).

Apelidada de "Rocky" por seus socorristas, foi encontrada ensanguentada nos trilhos em outubro de 2019 em Faridabad, Haryana (norte) por um membro da polícia ferroviária, que a transportou para um refúgio do PFA, de onde foi levada a uma clínica veterinária.

Recebeu uma transfusão de sangue e teve as duas patas dianteiras amputadas. Também estava ferida nas patas traseiras. "Se recuperou. É uma batalhadora", disse Dubey.

Enquanto Rocky recuperava suas forças e aprendia a usar a mandíbula para buscar seu equilíbrio, o vídeo da associação sobre sua luta, publicado em janeiro, viralizou nas redes sociais.

Chamou a atenção da organização britânica Wild at Heart Foundation, especializada no resgate de cachorros de rua de todo o mundo. A fundação começou a buscar uma casa para Rocky e um indiano, que vivia em Londres, ofereceu à PFA o financiamento das próteses para substituir suas patas.

Rocky deu seus primeiros passos em julho com suas novas patas artificiais, fabricadas por um especialista de Jaipur no estado de Rajasthan (norte).

A cadela voará na quarta-feira de Nova Delhi em um avião para Londres para ser adotada no Reino Unido, acrescentou Dubey.

Estima-se que o número de cachorros de rua na Índia, onde são frequentemente abandonados, chega a cerca de 30 milhões.

ash/grk/lch/mr/mab/mb/aa