Site da campanha de Trump é invadido por hackers

·1 minuto de leitura
O presidente Donald Trump durante discurso em Martinsburg, Pensilvânia, 26 de outubro de 2020
O presidente Donald Trump durante discurso em Martinsburg, Pensilvânia, 26 de outubro de 2020

Hackers invadiram rapidamente o site da campanha do presidente Donald Trump nesta terça-feira (27), a uma semana das eleições americanas, informaram autoridades. 

"Este site foi tomado", dizia a mensagem que aparecia na página donaldjtrump.com, que costuma trazer detalhes sobre comícios e pedidos de arrecadação de fundos. 

"O mundo não aguenta mais as notícias falsas espalhadas diariamente pelo presidente donald j trump", prosseguia a mensagem, segundo a imprensa americana. 

O porta-voz da campanha de Trump, Tim Murtaugh, disse que o site foi reparado rapidamente e que nenhum dado sensível ficou comprometido. 

"O site da campanha de Trump foi alterado e estamos trabalhando com autoridades da lei para investigar a origem do ataque", disse Murtaugh. 

O site tecnológico Techcrunch reportou que a invasão parece ter sido uma fraude com intenção de coletar a criptomoeda Monero, difícil de rastrear. 

Em sua mensagem, os hackers alegavam ter informação confidencial sobre Trump e seus familiares. 

Eles instruíram as pessoas a enviarem as criptomoedas para um endereço se quisessem que a informação fosse revelada e para um outro, caso quisessem que permanecesse em sigilo. 

jh/jm/mvv