Dançarino de boy band esmagado por telão acorda do coma, diz família

Dançarino de boy band foi esmagado por telão - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Dançarino de boy band foi esmagado por telão - Foto: Reprodução/Redes Sociais
  • Dançarino de boy band Mirror foi esmagado por um telão que despencou do teto da casa de shows

  • O rapaz está internado em estado grave, mas despertou do coma induzido no último domingo

  • Ele ainda corre risco de ficar tetraplégico

O dançarino que foi esmagado por um telão que despencou durante a apresentação da boy band Mirror em Hong Kong, no último dia 28, acordou do coma induzido no último domingo (7).

A informação foi confirmada pelo pai de Mo Li Kai-yin, de 27 anos, em entrevista ao jornal South China Morning Post.

"Kai-yin acordou e precisa das preces e incentivo de todos para que ele recupere o mais rápido possível, com a graça de Deus e a possibilidade de voltar aos palcos", disse Derek Li Shing-lam.

A boa notícia, porém, não significa que Mo Li esteja fora de perigo. Ele segue internado no Hospital Rainha Elizabeth e corre o risco de ficar tetraplégico.

O dançarino sofreu deslocamentos na terceira e quarta seção da coluna vertebral e precisou passar por cirurgias. Os próximos passos serão determinantes para que se saiba se o jovem terá sequelas do acidente.

Entenda o caso

A queda do telão gigante sobre integrantes da boy band Mirror foi causada pelo rompimento de um cabo de metal. Foi o que concluiu uma investigação preliminar do caso.

De acordo com autoridades responsáveis pelo inquérito, a estrutura era presa ao teto do Hong Kong Coliseum por dois cabos. Um dele rompeu-se, fazendo com que o objeto despencasse e ferisse gravemente um dos integrantes da banda.

Vídeos gravados por pessoas na plateia mostram o momento da tragédia. A banda pop se apresenta normalmente quando a tela gigantesca se desprende de uma estrutura no teto e cai direto em um integrante.

Em um segundo momento, o telão cai para o lado, acertando outra pessoa. De acordo com informações da imprensa local, dois integrantes da banda foi atingidos pelo objeto.

Segundo um porta-voz da polícia, três mulheres ficaram em estado de choque com o ocorrido e também precisaram de atendimento. Uma delas também foi hospitalizada.