Após denúncias contra Melhem, Dani Calabresa publica: "Fazer o certo exige coragem"

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
A humorista Dani Calabresa. Foto: reprodução/Instagram/calabresadani
A humorista Dani Calabresa. Foto: reprodução/Instagram/calabresadani

A atriz Dani Calabresa recebeu apoio nas redes sociais após virem a público detalhes sobre as acusações de assédio sexual contra Marcius Melhem, ex-diretor do núcleo de humor da Globo. A comediante fez uma publicação no Twitter, sem citar nomes, em que afirma que “fazer o certo exige coragem”.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Segundo a colunista Monica Bergamo, da “Folha de S. Paulo”, Dani formalizou sua denúncia contra o ex-chefe junto à emissora há oito meses. No último sábado (24), o jornal publicou uma entrevista com a advogada Mayra Cotta, que representa seis das vítimas - as atrizes preferiram não se identificar por medo de represálias.

Leia também:

A mensagem compartilhada pela atriz, que ganhou mais de 4 mil curtidas, afirma: “Os inícios só acontecem quando você arrisca. Vai sem medo e se o medo bater, vai mesmo assim”.

O post rendeu comentários de solidariedade de amigos e fãs. “Você é gigante, amiga! Tenho muito orgulho de ti”, escreveu a atriz Bia Arantes. “Diva! Quando você luta assim, luta por todas as mulheres! Obrigada!”, agradeceu uma seguidora. “Parabéns pela coragem, Dani! Você é uma fortaleza. Se não fosse por você, talvez nada disso viesse à tona”, disse outro.

Assédio seria comportamento recorrente

Segundo relato da advogada, Melhem teria tentado agarrar mulheres à força, mandado mensagens inconvenientes e criado um ambiente tóxico de trabalho.

“Houve um comportamento recorrente, de trancar mulheres em espaços e as tentar agarrar, contra a vontade delas. De insistir e ficar mandando mensagem inclusive de teor sexual para mulheres que ele decidia se iam ser escaladas ou não para trabalhar, se ia ter cena ou não para elas [nos programas de humor]. De prejudicar as carreiras de mulheres que o rejeitaram. De ficar obcecado, perseguindo mesmo. Foi um constrangimento sistemático e insistente, muito recorrente”, contou.

No Twitter, em uma longa sequência de mensagens, Marcius se pronunciou sobre a entrevista da advogada e se disse inocente. “Diante de acusações tão graves, que de forma alguma cometi, o que eu posso fazer? Negar”, alegou.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube