Datafolha: Atuação de Witzel e Doria na crise do coronavírus é mais bem avaliada do que a de Bolsonaro

Bolsonaro (centro) criticou as restrições impostas pelos governadores João Doria (esq.) e Wilson Witzel

RIO - Pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal "Folha de S.Paulo" nesta quarta-feira mostra que a gestão da crise do novo coronavírus dos governadores do Rio, Wilson Witzel (PSC), e de São Paulo, João Doria (PSDB), é mais bem avaliada do que a atuação do presidente Jair Bolsonaro. Segundo o instituto, as ações de Witzel e Doria são aprovadas, respectivamente, por 51% e 55% da população.

A aprovação da gestão de Bolsonaro na crise sanitária é de 28% em São Paulo e 34%, no Rio.

O Datafolha ouviu 528 entrevistados, em São Paulo, e 512, no Rio. A pesquisa foi feita por telefone e a margem de erro é de quatro pontos percentuais.

No Rio

Avaliação da atuação de Witzel

Ótimo ou bom: 55%Regular: 24%Ruim ou péssimo: 17%Não sabe: 3%

Avaliação da atuação de Bolsonaro

Ótimo ou bom: 34%Regular: 25%Ruim ou péssimo: 39%Não sabe: 2%

Em São Paulo

Avaliação da atuação de Doria

Ótimo ou bom: 51%Regular: 27%Ruim ou péssimo: 19%Não sabe: 4%

Avaliação da atuação de Bolsonaro

Ótimo ou bom: Regular:Ruim ou péssimo:Não sabe:

Outra pesquisa, divulgada no domingo, aponta que a gestão de Bolsonaro diante da crise causada pela Covid-19 é aprovada por 33%, que consideram a ação do presidente como boa ou ótima em todo o país. Mas entre os entrevistados, 52% acreditam que Bolsonaro tem condições de seguir liderando o país, enquanto 44% acham que não. Outros 4% não responderam.