Datafolha: Aversão a Bolsonaro é maior entre mulheres de todas as classes sociais

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)
Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) sofre maior resistência entre as mulheres de todas as classes sociais. Já os homens são o grosso de sua base, revelou a última pesquisa Datafolha.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) possui vantagem entre o eleitorado feminino independentemente de faixa social, e tem preferência entre os mas pobres de ambos os gêneros. Homens ricos, porém, tendem a se afastar do petista.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, esse diagnóstico emerge do cruzamento dos dados de gênero e renda familiar colhidos no levantamento feito pelo instituto na quarta (25) e quinta-feira (26) da semana passada.

Na pesquisa, Lula abriu 21 pontos percentuais de vantagem sobre o atual presidente. Entre as mulheres, o ex-presidente chega a marcar 49%, e Bolsonaro, 23%. Mulheres correspondem a 53% da amostra da pesquisa, e os homens, 47%.

Ainda de acordo com o jornal, a intenção de voto no mandatário entre o eleitorado feminino, em todas as rendas, é sempre inferior à registrada entre os homens, na pesquisa espontânea —qunado não são apresentados os nomes dos pré-candidatos aos entrevistados —e nas estimulas de primeiro e segundo turno.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos