Datafolha: Bolsonaro lidera, mas Haddad é o único a crescer em todas as faixas etárias

Guilherme Rodrigues/Futura Press

A nova pesquisa Datafolha de intenção de votos para candidatos à Presidência, divulgada na madrugada desta quinta-feira (20), apontou liderança de Jair Bolsonaro (PSL), com 28% da preferência do eleitorado, seguido de Fernando Haddad (PT), com 16% dos votos. Ambos os presidenciáveis apresentaram as melhores oscilações no levantamento quando feito recorte de gênero e idade.

Leia mais:
Datafolha: Bolsonaro lidera seguido por Fernando Haddad

Em relação ao último Datafolha, divulgado em 14/9, tanto Haddad quanto Bolsonaro cresceram três pontos percentuais entre o eleitorado feminino. O petista foi o único, entre todos os candidatos, a conseguir um aumento na preferência dos entrevistados em todas as faixas etárias; o capitão da reserva, embora não tenha registrado nenhuma queda, se manteve estagnado nos intervalos de 16 a 24 anos e de 45 a 59 anos.

Ciro Gomes (PDT) cresceu em quase todos os segmentos, apresentando apenas uma queda: na faixa entre 45 e 59 anos, passou de 13% para 11% na preferência dos eleitores.

Confira abaixo os recortes dos cinco candidatos mais bem pontuados na pesquisa:

Gênero

Homens
Jair Bolsonaro (PSL): 35% (14/9) — 36% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 13% (14/9) — 17% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 13% (14/9) — 13% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 9% (14/9) — 8% (20/9)
Marina Silva (Rede): 7% (14/9) — 5% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 10% (14/9) — 9% (20/9)
Não sabe: 4% (14/9) — 3% (20/9)

Mulheres
Jair Bolsonaro (PSL): 18% (14/9) — 21% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 13% (14/9) — 16% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 13% (14/9) — 13% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 10% (14/9) — 9% (20/9)
Marina Silva (Rede): 9% (14/9) — 9% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 7% (14/9) — 5% (20/9)
Não sabe: 8% (14/9) — 7% (20/9)

Idade

16 a 24
Jair Bolsonaro (PSL): 26% (14/9) — 26% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 10% (14/9) — 14% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 18% (14/9) — 19% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 7% (14/9) — 6% (20/9)
Marina Silva (Rede): 11% (14/9) — 11% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 10% (14/9) — 10% (20/9)
Não sabe: 2% (14/9) — 3% (20/9)

25 a 34
Jair Bolsonaro (PSL): 27% (14/9) — 33% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 13% (14/9) — 17% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 10% (14/9) — 12% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 8% (14/9) — 8% (20/9)
Marina Silva (Rede): 10% (14/9) — 6% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 14% (14/9) — 12% (20/9)
Não sabe: 4% (14/9) — 2% (20/9)

35 a 44
Jair Bolsonaro (PSL): 28% (14/9) — 30% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 13% (14/9) — 18% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 12% (14/9) — 11% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 9% (14/9) — 8% (20/9)
Marina Silva (Rede): 8% (14/9) — 7% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 14% (14/9) — 12% (20/9)
Não sabe: 6% (14/9) — 5% (20/9)

45 a 59
Jair Bolsonaro (PSL): 24% (14/9) — 24% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 15% (14/9) — 18% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 13% (14/9) — 11% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 9% (14/9) — 10% (20/9)
Marina Silva (Rede): 8% (14/9) — 6% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 13% (14/9) — 14% (20/9)
Não sabe: 8% (14/9) — 8% (20/9)

A partir dos 60
Jair Bolsonaro (PSL): 26% (14/9) — 28% (20/9)
Fernando Haddad (PT): 12% (14/9) — 14% (20/9)
Ciro Gomes (PDT): 13% (14/9) — 14% (20/9)
Geraldo Alckmin (PSDB): 13% (14/9) — 10% (20/9)
Marina Silva (Rede): 6% (14/9) — 7% (20/9)
Em branco/nulo/nenhum: 13% (14/9) — 10% (20/9)
Não sabe: 9% (14/9) — 8% (20/9)

A pesquisa entrevistou 8.601 eleitores em 323 municípios e foi realizada entre os dias 18 e 19 de setembro. O nível de confiança é de 95% e a margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento foi registrado no TSE com o código BR-06919/2018.