Datafolha: Jovens concordam com Bolsonaro de que há ‘histeria’ com coronavírus

Jovens concordam com Bolsonaro sobre 'histeria' (Suamy Beydoun/AGIF)

Uma pesquisa feita pelo Datafolha revela que os jovens do país concordam com o presidente Jair Bolsonaro, que minimizou a gravidade da covid-19, o novo coronavírus, ao afirmar que existe uma histeria. 

Segundo a pesquisa, sobre a afirmação de Bolsonaro de que existe uma histeria em relação à crise do coronavírus, 54% discordam do presidente enquanto 34% concordam.  Neste percentual que tem a mesma opinião que o presidente, 46% são jovens entre 16 e 24 anos.  Na população entre 25 e 34 anos, 36% concordam. Já entre os brasileiros com idade entre 35 a 44 anos, o índice cai para 32%.

Leia também

No dia 17 de março, data em que o Brasil registrou a primeira morte em decorrência da contaminação por coroavírus, Bolsonaro disse em entrevista à rádio Tupi que “o  que está errado é a histeria, como se fosse o fim do mundo. Uma nação como o Brasil, por exemplo, só estará livre quando certo número de pessoas for infectado e criar anticorpos“.

Em outra ocasião, Bolsonaro já chamou a doença de "gripezinha"

O Datafolha ouviu 1.558 pessoas de 18 a 20 de março, por telefone. A margem de erro fica em três pontos para mais ou para menos.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.