Debates da eleição presidencial do Irã serão transmitidos ao vivo

(Arquivo) O presidente do Irã, Hassan Rohani

As autoridades eleitorais do Irã permitirão que os debates para a eleição presidencial sejam transmitidos ao vivo, ao contrário do que haviam anunciado inicialmente, informou neste domingo a agência oficial oficial Irna.

A eleição iraniana está marcada para o dia 19 de maio.

"Levando em consideração as demandas da população e dos candidatos (...), os debates televisivos serão finalmente exibidos ao vivo", declarou uma fonte do ministério do Interior.

O presidente moderado Hassan Rohani, que aspira um segundo mandato, e os dois principais candidatos conservadores, Ebrahim Raissi e Mohammad Bagher Ghalibaf, criticaram a primeira decisão da Comissão de Propaganda Eleitoral, que previa debates gravados.

O ministro do Interior, Abdolreza Rahmani Fazli, afirmou na semana passada que a decisão pretendia impedir a divulgação de "falsas acusações" entre os candidatos, uma decisão muito criticada nas redes sociais.

O primeiro debate está previsto para a próxima sexta-feira, com duração de três horas e a presença de todos os candidatos.

Neste domingo, a imprensa iraniana informou que o ex-presidente ultraconservador Mahmud Ahmadinejad, que teve a candidatura rejeitada mas que ainda tem apoio de parte do eleitorado, não vai apoiar nenhum dos seis candidatos.