Débora Nascimento comenta exposição após separação: 'Não é um relacionamento que nos define'

Débora Nascimento no "Altas Horas". Foto: reprodução/TV Globo

A vida pessoal de Débora Nascimento foi escancarada nos últimos meses, depois da tumultuada separação do ator José Loreto. Convidada do “Altas Horas” do último sábado, 25, a atriz comentou como encarou essa fase turbulenta e manteve a serenidade com tanto interesse sobre o fim do seu relacionamento.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Estou ótima, feliz. Porque a gente não pode deixar que nada nos defina. Não é um homem que nos define, não é um relacionamento que nos define, não é a nossa profissão que nos define. Recentemente, uma coisa íntima minha veio a público. E você tem que passar por isso e entender que as coisas acontecem na vida e, na verdade, 10% são as coisas que acontecem e 90% o que você faz com elas”, afirmou.

Leia também:

No ar como a Gisela da novela “Verão 90”, a intérprete ganhou aplausos da plateia ao lidar com franqueza sobre o assunto. “Então isso também não pode te definir. O que te define é o que você leva para a vida, o que você é dentro de você, o que você leva dessa vida, sabe? Eu levo a felicidade”, disse.

Débora Nascimento e José Loreto anunciaram a separação em fevereiro, em meio a rumores de uma traição do ator, que teria se envolvido com a colega de elenco de “O Sétimo Guardião” Marina Ruy Barbosa. Eles estavam casados havia três anos, e são pais de Bella, de 2 anos. Os dois namoravam desde 2012, quando contracenaram na novela “Avenida Brasil”, e se casaram em segredo três anos depois, durante uma viagem a Abu Dhabi, nos Emirados Árabes.

No programa, a atriz contou a Serginho Groisman que preferiu se manter ativa nas redes sociais. “Muitas vezes as pessoas querem ver algumas coisas que aguçam o que elas querem, o que elas desejam ver. E aí eu pensei: ‘O que eu vou mostrar nesse momento em que eu estou tão exposta?’ Refleti e falei: ‘Vou mostrar parte da minha arte, parte da minha essência, um pouco de poesia, um pouco de reflexão, um pouco de sabedoria com doçura, com leveza’. Acho que é trazer um pouco a galera enraizada no que é importante na verdade do que é nossa essência”, afirmou.

Segundo a atriz, a relação com o público tem sido carinhosa nesse período. “É uma onda de amor muito grande, que antes eu recebia muito por causa dos meus personagens e agora, pela primeira vez, é muito pessoal”, analisou.

Ela garante que levou a vida normalmente, já que costuma ser mais reservada. “Sempre fui de ficar muito mais no meu ninho, com meus poucos e bons amigos. É claro, me preservei e cuidei das minhas feridas e das minhas questões. Eu no meu ninho. Depois que as vísceras foram expostas a gente recolhe tudo e organiza a casa. Mas aí depois sair, ver os amigos e receber todo esse carinho foi incrível. É o que acho que também me deixa cada vez mais feliz e consciente de que a vida é tudo, a vida é mais e a vida sou eu feliz”, contou.