Deborah Secco reprovou papel sexy em "Rensga Hits": "Primeiro não que eu disse"

Deborah Secco em participação no
Deborah Secco em participação no "Quem Pod Pode". Foto: Reprodução/Youtube

Resumo da notícia:

  • Deborah Secco não aceitou vibe sexy em papel de "Rensga Hits"

  • Atriz abriu o jogo sobre bastidores de sua personagem na série sertaneja

  • Ela confessou que reconstruiu a personalidade da empresária Marlene

Marcada por diversos papéis sensuais, Deborah Secco negou pela primeira vez em sua carreira a proposta de uma personalidade sexy. Em participação no podcast "Quem Pod Pode", a atriz revelou que só aceitou viver a empresária Marlene em "Rensga Hits", do Globoplay, após reconstruir a personagem.

"Primeiro não que eu disse foi no Rensga. Queriam que a Marlene e a Helena fossem mulheres sexys. Helena é interpretada pela Fabi [Karla]. Minha primeira prova de roupa eram vestidos justos e eu falei: 'Não! Essa é a roupa da Deborah Secco, a roupa da empresária da Deborah é outra, completamente diferente. Se for assim, prefiro não fazer", contou ela em conversa com Fernanda Paes Leme e Giovanna Ewbank.

Na sequência, ela ressaltou como transformou seu papel por não querer uma versão sexualizada da profissional do ramo sertanejo. "Construi a Marlene diferente do que ela vinha. Ela não vinha do jeito que eu a fiz. Mas eu falei que ela não é uma mulher sexy e eu não quero que ela seja", explicou.

"A Marlene, a gente vê que é um outro trabalho seu. É uma personagem mais aterrada, o botão pode até estar aberto da camisa, mas você não quer olhar pro seu decote", acrescentou Fe Paes Leme.

Deborah ainda contou que foi abordada por um rapaz na festa de lançamento da série sertaneja, que fez questão de reforçar o quanto Marlene não é sexy. "Ele disse: 'Sabe o que é louco? Eu não 'comeria' a Marlene nem obrigado, mesmo sabendo que é a Deborah Secco'", relatou.