Defensoria entra com pedido de urgência no STJ para suspender nomeação de presidente da Palmares

Gabriel Morais
Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares

RIO — A Defensoria Pública da União (DPU) entrou, na noite desta quarta-feira, com um pedido de tutela provisória de urgência no Superior Tribunal de Justiça (STJ) para suspender a nomeação do presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo. No documento, o órgão solicita que os efeitos da decisão liminar do Tribunal de Justiça do Ceará, que impediram a nomeação de Camargo em dezembro de 2019, sejam restabelecidos.