DEM lança Rodrigo Maia como candidato, mas não descarta aliança com PSDB

Marcella Fernandes
Democratas lança pré-candidatura de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, ao Palácio do Planalto, mas não descarta aliança com PSDB.

Com uma bancada fortalecida na Câmara dos Deputado e o comando da Casa nas mãos, o Democratas (DEM) lançou nesta quinta-feira (8) a pré-candidatura de Rodrigo Maia à Presidência da República. É a primeira vez, desde o registro do partido em 2007, que a sigla não está ao lado do PSDB nas urnas. A aliança nacional, contudo, não está descartada nos próximos meses.

Para o presidente do DEM, senador Agripino Maia (DEM-RN), os antigos parceiros podem voltar às boas no 2º turno. "São programas de governo muito parecidos", afirmou ao HuffPost Brasil. Ambas as legendas defendem uma economia liberal, com ajuste fiscal e reforma da Previdência. Os 2 partidos apoiaram também a reforma trabalhista do governo de Michel Temer.

A decisão de lançar candidatura própria é uma forma de o DEM marcar posição. Com a janela partidária, que vai até 7 de abril, a bancada deve chegar a 40 deputados. Hoje são 37 e, no início da legislatura, eram 21. Entre os novos filiados, estão Laura Carneiro (PMDB-RJ) e Arthur Maia (PPS-BA), relator da reforma da Previdência e Sergio Zveiter (Podemos-RJ), relator da denúncia contra Temer.

Na convenção, em auditório na Câmara dos Deputados, Agripino ressaltou o aumento da bancada e a presença de tucanos no ato, como o ex-ministro Antonio Imbassahy e Marcus Pestana, secretário-geral do PSDB, ambos deputados federais. Citou ainda o governador Geraldo Alckmin, pré-candidato ao Planalto. "Ontem recebi um telefonema do Alckmin para cumprimentar pela convenção o partido pelo qual ele tem velho apreço", completou.

A ascenção de Maia ao comando da Câmara, em julho de 2016, após a saída de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi um marco da escalada do partido. No comando da Casa, o democrata contribuiu para a agenda do governo, mas manteve um bom diálogo com deputados de oposição, que ajudaram na sua eleição.

O presidenciável foi a única estrela da convenção do partido nesta quinta. No ato, o atual prefeito de...

Continue a ler no HuffPost