Depois de meme, refém que saiu de bar com cerveja ganha grafite na Lapa

Grafite inspirado em homem que foi mantido refém por vendedor de caipirinhas na Lapa. Imagem viralizou nas redes

Ele virou meme em poucos minutos, após ser libertado do bar onde era mantido refém, no Centro do Rio, com uma garrafa de cerveja na mão. Agora, o técnico em refrigeração Isaías Gonçalves, que ficou quase cinco horas preso, semana passada, no Bar das Pretas, depois que um vizinho do estabelecimento invadiu a casa, foi homenageado em grande escala. Ele protagoniza um grafite na Lapa.

A pintura, feita na Rua Taylor, reproduz a imagem que viralizou nas redes: nela, Isaías está sorridente, segurando a bebida, enquanto é cercado por agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Autor do grafite, o artista plástico  Airá O Crespo, explicou, em entrevista ao site de notícias G1, que a cena representa como o carioca “leva a vida”. Segundo o artista, a sociedade tenta encarar com tranquilidade as dificuldades, apesar dos problemas sociais.

Em entrevista ao GLOBO, o técnico de refrigeração, que se tornou refém quando foi consertar um eletrodoméstico no bar, pouco antes da invasão, contou que a ideia de sair do local do sequestro com uma cerveja na mão não foi dele, mas do criminoso, conhecido como Danilo da Caipirinha:

— Ele sabia que iria repercutir.