Deputado bolsonarista que atacou Anitta rebate pai da cantora: 'Não sabe diferença de praia e rebolar o r...'

·2 min de leitura

RIO - O deputado estadual Bruno Engler (PTRB-MG) recuperou a conta no Instagram horas depois de ser suspenso da plataforma na manhã desta segunda-feira. Pouco antes de verificar a remoção, o parlamentar bolsonarista rebateu o pai da cantora Anitta, que respondeu ao ataque de Engler à artista por causa de sua apresentação na final da Libertadores, no Uruguai, no sábado.

O Instagram disse ao GLOBO que o perfil do deputado foi removido indevidamente e por isso já foi restaurado. Engler teve a conta bloqueada logo após chamar Anitta de "lixo" em razão de seu show na decisão do torneio continental disputada entre Flamengo e Palmeiras. Ele foi rebatido pelo pai da cantora, Mauro Machado, que afirmou que o parlamentar "além de mal-educado e desnecessário, é pré-histórico".

"Apenas para o deputado (não vou citar o nome para não dar visibilidade), as praias do mundo inteiro são frequentadas por crianças e lá se usam biquínis e maiôs. As praias de Cabo Frio são invadidas pelos mineiros", disse Machado, em alusão ao estado onde Engler nasceu e se elegeu.

O deputado retrucou nesta segunda-feira, cerca de uma hora antes de comunicar que seu perfil no Instagram havia sido derrubado. Ele chegou a sugerir que tomaria medidas judiciais para reaver seu perfil na plataforma. A conta foi reativada no mesmo dia.

"O pai da @Anitta não sabe a diferença de um banho de praia e rebolar o r.. em rede nacional, e ainda é preconceituoso com os mineiros que frequentam o Rio", publicou Engler.

Já na noite de ontem, o político informou no Twitter que sua conta estava "devidamente restabelecida" e afirmou que "o choro é livre".

No sábado, depois da apresentação de Anitta no estádio Centenário, Engler a chamou de "lixo brasileiro" e classificou seu show como "vergonha surreal".

"Milhares de crianças assistindo a final da Copa Libertadores, 17 horas, e o lixo brasileiro @Anitta mostrando o r... em rede mundial. Vergonha surreal", escreveu.

Estrela da música pop do país e na América Latina, Anitta fez seu segundo show em finais únicas da competição. Ela também esteve na decisão de Lima, em 2019, em conjunto de shows que contou com o colombiano Sebastián Yatra, a argentina Tini Stoessel, a banda argentina Turf e o rapper brasileiro Gabriel o Pensador.

Aquela foi a primeira e até agora única final disputada em jogo único com atrações musicais antes da partida. Em 2021, por conta das limitações de público devido à pandemia, não houve shows.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos