Deputado petista confunde comemoração de atacante do Fluminense com 'L' de Lula

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP) confundiu a habitual comemoração do atacante Germán Cano, do Fluminense, com o "L" de Lula. Em publicação no Twitter, o ex-presidente da Câmara questionou se os jogadores do clube carioca faziam alusão ao pré-candidato à Presidência, após o gol do Tricolor contra o Palmeiras neste domingo.

"Me diga, na comemoração do gol do Fluminense foram vários L de Lula??", postou Chinaglia nas redes sociais.

Um internauta, no entanto, explicou ao deputado que se tratava de uma homenagem ao filho do atacante, o pequeno Lorenzo, de 3 anos. Desde quando jogava pelo Vasco, Cano comemora seus gols fazendo o gesto, que virou marca do centroavante argentino. Tanto torcedores quanto os perfis oficiais do Fluminense brincam com o "Faz o L".

Cano voltou a fazer a comemoração junto com outros jogadores do Tricolor no empate por 1 a 1 contra o Palmeiras, em partida disputada neste domingo, no Allianz Parque, em São Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos