Desaparecido há três dias, professor da USP é encontrado morto em MG

·1 min de leitura
Professor foi encontrado morto - Foto: Reprodução
Professor foi encontrado morto - Foto: Reprodução
  • Leonardo Guimarães Garcia foi encontrado dentro de seu próprio veículo

  • O carro estava na beira da pista, abaixo de uma ribanceira de 12 metros de altura

  • O rapaz havia desaparecido após deixar sua cidade natal, Anápolis-GO

Desaparecido por três dias, um professor da USP foi encontrado morto no último domingo (19) em Minas Gerais. Leonardo Guimarães Garcia, de 47 anos, estava em um veículo que caiu em uma vala na BR-153.

De acordo com informações do UOL, o Corpo de Bombeiros explicou que Leonardo viajava de sua cidade natal, Anápolis, em Goiás, para Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, onde lecionava.

Ele havia feito contato com sua família pela última vez na quinta-feira (16), mesmo dia em que uma câmera de segurança de um pedágio registrou sua passagem por Itumbiara-GO por volta das 12h45.

Desde então, os parentes de Leonardo investigavam seu desaparecimento e chegaram a usar drones na tentativa de localizá-lo. A polícia também foi acionada, e uma grande operação envolvendo militares e Goiás e Minas Gerais foi armada.

Corpo é localizado

A busca chegou ao fim pouco depois das 11 horas de domingo. O professor foi encontrado com politraumatismo dentro de seu próprio veículo, às margens da pista em um local conhecido como região da moeda, em Canápolis.

Os bombeiros acreditam que o carro tenha atravessado a pista e caído de uma ribanceira de cerca de 12 metros de altura. Parte do veículo estava dentro de um córrego, e a mata fechada impedia que ele fosse visto por quem passava pelo local.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos