"Desde quando tenho medo da recepção do público?”, diz Luísa Sonza

·3 min de leitura
Luísa Sonza em coletia de imprensa do
Luísa Sonza em coletia de imprensa do "Queen Stars Brasil". Foto: Divulgação/HBO Max

Resumo da notícia:

  • "Desde quando tenho medo do público?”, diz Luísa Sonza sobre ser mulher no "Queen Stars"

  • Em coletiva de imprensa, cantora falou ao lado de Pabllo Vittar sobre comandar o reality de drags

  • Produção da HBO Max chega ao público no próximo dia 24 de março

Luísa Sonza e Pabllo Vittar estão prontas para estrear no comando do mais novo reality show de drag queens da HBO Max. "Queen Stars Brasil" chega ao público no próximo dia 24 de março com a proposta de impactar além do público que já conhece o universo queer e exibir uma competição com performances brilhantes dos mais diversos estilos.

Em coletiva de imprensa, ao lado do jurado Diego Timbó, as apresentadoras abriram o jogo sobre a experiência de participar da produção do streaming. Questionada sobre a reação dos espectadores com uma mulher na apresentação de uma competição de drags, Sonza não titubeou ao demonstrar que entende seu lugar na série.

“Desde quando tenho medo da recepção do público? Sempre me senti acolhida, estou do lado da Pabllo, que é uma das minhas maiores inspirações”, disparou a artista sobre sentir receio quando fizeram o convite para que ela assumisse a produção.

“As coisas vão muito além do que os haters podem defender. A nossa união [Luísa e Pabllo] vai além de muita coisa e me sinto acolhida por essa turma [drags]. Não me assusta”, completou.

Na sequência, a dona de "Doce 22" comentou sobre o que sentiu ao ser chamada para o "Queen Stars Brasil". “Foi muito emocionante de saber que fui um nome pensado em um lugar que tem tanta representatividade, história e um peso por trás disso”, disse.

"Não me sentiria confortável em fazer isso sozinha, mas com a Pabllo eu me senti muito mais confortável, entendendo o meu lugar”, completou ao refletir sobre ser mulher dentro de um reality do gênero.

A cantora ainda entregou sobre como foi o processo de assumir o comando de um programa. “A gente se divertiu muito, mas a Pabllo é mais aplicada no quesito apresentadora. Ela sabia todos os textos e passava para mim na hora”, declarou Sonza, que ainda brincou sobre não ter pretensão de ser Maísa."Eu ia muito na onda da Pabllo. Não é a Luísa apresentadora, é a Luísa cantora apresentando", afirmou.

Sobre o "Queen Stars Brasil"

Com cerca de 500 inscrições, o "Queen Stars Brasil" foi realizado com 20 competidoras na disputa por três coroações em meio a performances brilhantes e drag queens dos mais variados estilos e cantos do Brasil.

“Acho que também é uma oportunidade para as pessoas verem as histórias que estão por trás de tanta beleza, de tanta grandiosidade. Esse programa não trouxe só a performance, a gente trouxe a vida das meninas, chorou e se emocionou", afirmou Luísa Sonza.

“Elas ficaram confinadas real. Elas deixaram suas vidas lá fora para viver aquilo todos os dias. Era muito difícil. Ensaio, performance e ter que inovar em poucos dias e a Vanessa da Mata [jurada] tava na frente delas, sabe?”, completou.

O reality ainda conta com os jurados Tiago Abravanel, Vanessa da Mata e Diego Timbó além de Bruno Barbosa (dança), Blacy Gulfier (voz), Michelly X (visagismo) e Flávio Verne (diretor artístico) como mentores das participantes.Confira o teaser:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos