Designer imagina como poderia ser o visual de um iPhone X dobrável

Thaís Augusto

Os smartphones dobráveis são a principal aposta das fabricantes para os próximos anos. O caminho foi aberto pela chinesa Royole com seu FlexPai no ano passado, seguida pela Samsung e Huawei. Outras empresas também consideram a possibilidade, e a Apple está entre elas.

Poucos dias após a apresentação do Galaxy Fold, o cofundador da Apple demonstrou desconforto com o atraso da empresa em lançar seu modelo dobrável. Duas patentes registradas pela empresa chegaram a ser publicadas com esboços de um possível iPhone dobrável, mas com poucos detalhes. E enquanto novas informações não são divulgadas, um designer italiano decidiu criar imagens conceito de um iPhone X que se dobra ao meio.

"Decidi imaginar um próximo Apple X Fold para mostrar como a Apple poderia, novamente, liderar a batalha dos gigantes na arena dos smartphones", comentou Antonio De Rosa em seu site.

As imagens liberadas pelo italiano mostram um aparelho bem diferente do imaginado pela equipe do LetsGoDigital, que se baseou em uma das patentes registradas pela Maçã. O design mostra um iPhone que dobra na vertical, mais parecido com o "jeitão" do provável Razr da Motorola. Segundo a patente, o aparelho poderia ser dobrado tanto para dentro (fechando-o como um celular de flip), quanto para fora (fazendo com que o aparelho tenha suas dimensões reduzidas e reproduza duas telas, uma na frente e outra atrás).

Compare os resultados:

Render criado pelo site LetsGoDigital seguindo patente da Apple
Render criado pelo designer italiano Antonio De Rosa

No design criado por De Rosa, o aparelho dobra na horizontal assim como os dispositivos da Samsung e da Huawei. As bordas são arredondadas e o aparelho também conta com uma tela all screen, dispensando até mesmo o notch — a câmera frontal passa a ser incorporada ao display.

Nesta versão, o aparelho acompanha três telas de navegação, botões laterais e uma câmera tripla na traseira. O apelidado de iPhone X Fold poderia ser utilizado até como uma versão mini do Mac:

Imagem: Reprodução / Antonio De Rosa

O designer também criou um vídeo de apresentação nos moldes da Apple. Confira:

Corrida pelo próximo dobrável

As fabricantes LG, Xiaomi, Huawei e Motorola (com um provável relançamento do Moto Razr em versão dobrável) são as outras empresas que têm ao menos uma patente registrada com a tecnologia dobrável. A corrida está acirrada para ver quem lançará o próximo modelo no mercado.

A Apple divide seus esforços para avançar em projetos que vão além do smartphone, como o streaming de vídeos e de notícias. Mesmo assim, os executivos da empresa não estão felizes em comer poeira dos concorrentes em relação ao modelo dobrável.

Em uma entrevista para a Bloomberg TV, o cofundador da Apple, Steve Wozniak, disse que a Maçã tem sido a líder de algumas áreas, como “Touch ID, Face ID e pagamento por smartphones", mas que as novidades do mercado estão o preocupando pois, no momento, “a Apple não é líder na área de dispositivos dobráveis”.

Em fevereiro, Samsung e Huawei lançaram seus modelos, mas adotaram uma política de preços bem altos para os dispositivos. O Galaxy Fold não sai por menos de US$ 1.980 e o modelo da Huawei foi lançado por incríveis US$ 2.600. Com mais concorrentes no mercado, os preços dos aparelhos podem cair, como costuma acontecer quando novas tecnologias passam a ficar mais populares — mas, apesar das patentes registradas, ainda não há expectativa de quando (ou se) as outras fabricantes lançarão seus dispositivos dobráveis.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: