Destroços de avião da FAB são encontrados em Santa Catarina; dois morreram

Os destroços do avião da FAB que havia desparecido na sexta-feira (4) foram encontrados neste sábado (5). Foto: Reprodução / Divulgação / Prefeitura Canelinha.
Os destroços do avião da FAB que havia desparecido na sexta-feira (4) foram encontrados neste sábado (5). Foto: Reprodução / Divulgação / Prefeitura Canelinha.

Resumo da notíica:

  • O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que perdeu o sinal na sexta-feira (4) foi encontrado neste sábado (5);

  • A Aeronáutica confirmou a queda e divulgou que dois corpos foram encontrados carbonizados;

  • O avião foi encontrado entre Canelinha e Tijucas, em SC, por volta das 12h deste sábado (5).

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que estava desaparecido desde a última sexta-feira (4) foi encontrado neste sábado (5) entre os municípios de Canelinha e Tijucas, em Santa Catarina. A informação é do secretário de Obras e Serviços Urbanos do município, Silvio Reis.

A Aeronáutica confirmou a queda e divulgou que dois corpos foram encontrados carbonizados. A aeronave de instrução modelo T-25 desapareceu na tarde de sexta depois de perder o sinal enquanto dois militares realizavam um voo de treinamento.

Na manhã deste sábado, a FAB utilizou avião e helicópteros da instituição para fazer as buscas. Em nota, a Força Aérea Brasileira lamentou o falecimento dos militares e disse que investigará a causa da queda.

Reis afirmou que o avião foi encontrado “totalmente destruído” em uma região chamada de Rolador, aproximadamente às 12h.

Veja a nota da FAB

“A Força Aérea Brasileira (FAB) lamenta informar o falecimento dos dois militares que estavam a bordo da aeronave T-25 Universal da Academia da Força Aérea (AFA) - acidentada na tarde desta sexta-feira (04/11) em Santa Catarina e localizada no final da manhã de sábado (05/11). Os tripulantes realizavam um voo de treinamento.

O Comando da Aeronáutica expressa suas condolências e ressalta que está prestando todo o apoio aos familiares neste momento de pesar. Também informa que investigará o acidente.”

*Com informações do g1.