Detida na Turquia autoridade financeira do EI procurada pelos EUA

·1 minuto de leitura
Sami Jasim al Jaburi em foto difundida em 11 de outubro de 2021 (AFP/-)

O Iraque anunciou nesta segunda-feira (11) a detenção na Turquia de um líder do grupo terrorista Estado Islâmico (EI), Sami Jasim al-Jaburi, procurado pelos Estados Unidos e considerado um importante responsável financeiro da organização.

Por enquanto, a Turquia não reagiu a essa informação.

Os Estados Unidos ofereciam uma recompensa de US$ 5 milhões por qualquer informação sobre este indivíduo que desempenhou "um papel fundamental na gestão das finanças" do SI, segundo o Departamento de Estado americano.

Ele foi capturado em uma operação dos serviços secretos "no exterior das fronteiras", tuitou esta manhã o primeiro-ministro do Iraque, Mustafa al-Kazimi.

De acordo com o premiê, foi uma "complexa operação no exterior".

Segundo as autoridades norte-americanas, Jaburi teria ocupado cargo "equivalente" ao de "ministro das Finanças" dentro do EI, "supervisionando as operações do grupo geradoras de receita procedente das vendas ilegais de petróleo, gás, antiguidades e minerais".

Em setembro de 2015, o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos classificou Jaburi como "terrorista".

Após uma ofensiva relâmpago, EI assumiu o controle de um terço do território iraquiano em 2014.

O governo iraquiano declarou vitória sobre os jihadistas no final de 2017, graças a uma campanha militar apoiada por uma coalizão liderada pelos Estados Unidos.

lk/tgg/gde/tp/zm/erl/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos