São Paulo perde para o Del Valle e dá adeus ao sonho do bi na Copa Sul-Americana

Del Valle venceu o São Paulo por 2 a 0 e ficou com o título da competição (FOTO: JUAN MABROMATA / AFP)


O sonho do título ficou no quase! O São Paulo foi a Córdoba enfrentar o Independiente del Valle-EQU na final da Copa Sul-Americana e foi derrotado por 2 a 0, no estádio Mário Kempes, e ficou com o vice. Lautaro Díaz e Favarelli marcaram os gols dos equatorianos, e frustraram o bi são-paulino.

+ Mercado fechado: confira o balanço da janela de transferências do São Paulo

Gol logo no início

O São Paulo entrou em campo com força máxima em busca da taça, mas fez um primeiro tempo abaixo do esperado e sofreu um gol com apenas 12 minutos de jogo.

Diego Costa tentou cortar, mas falhou. A bola ficou com Favarelli, que acionou Lautaro Díaz para bater cruzado e abrir o placar para o Independiente del Valle.

Pós-gol
O time de Rogério Ceni tentou correr atrás do prejuízo em Córdoba. Mas Alison e Calleri erravam quase tudo que tentavam. Poucos minutos depois de sofrer o gol, Luciano deu bom passe para o camisa 9 do Tricolor tentar o empate, mas o argentino bateu fraco e o goleiro adversário defendeu sem dificuldades.

O São Paulo não jogava bem, e viu o time equatoriano quase ampliar o marcador, com Sornoza, que parou no goleiro Felipe Alves. Daí até o final da primeira etapa, as equipes não tiveram sucesso em suas finalizações e construção de jogadas.

Segundo tempo

O Tricolor voltou para a etapa complementar sem alterações. Logo no primeiro lance, Calleri tirou tinta da trave em chute forte. Na sequência, o argentino tentou mais uma vez em cobrança de falta na segunda trave que ninguém completou.

O São Paulo nitidamente voltou melhor, e tentava chegar à meta adversária através de troca de passes no meio-campo. Mas foi o Del Valle quem foi às redes mais uma vez.

Aos 21 minutos, após lançamento nas costas da zaga, Faravelli infiltrou sozinho e marcou o segundo.

Depois do segundo gol, o Tricolor sentiu o nervosismo e pouco foi eficiente. Aos 36 minutos, Éder acertou ótimo cabeceio e obrigou o goleiro a fazer boa defesa, mas estava em posição irregular.

No final, Galoppo acertou bom chute, e passou perto da trave. Nos minutos finais, Diego Costa e Calleri ainda foram expulsos e não dava mais para o São Paulo. O Del Valle ficou com a taça da Sul-Americana.

SÃO PAULO 0 X 2 INDEPENDIENTE DEL VALLE
COPA SUL-AMERICANA - FINAL


Local: Estádio Mário Kempes, Córdoba (ARG)
Data e hora: 1° de outubro de 2022, às 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Wilmar Rodán (COL)
Assistentes: Alexander Guzman (COL) e Wilmar Navarro (COL)
Árbitro de vídeo: Julio Bascuñan (CHI)
Público/renda:
Cartões amarelos:
Reinaldo (São Paulo); Schunk e Pellrano (Independiente del Valle)
Cartões vermelhos: Diego Costa e Calleri (São Paulo).
Gols: 0-1 (Lautaro Díaz, 12'1T); 0-2 Faravelli (21'2T)

SÃO PAULO
Felipe Alves; Igor Vinicius, Diego, Léo e Reinaldo; Pablo Maia; Rodrigo Nestor (Igor Gomes, 30'/2T), Alison (Galoppo, 30'/2T), Patrick (Eder, 30'/2T) e Luciano; Calleri. Técnico: Rogério Ceni.

INDEPENDIENTE DEL VALLE
​Moisés; Ramírez; Schunke, Segovia, Carabajal, Matías Fernández e Marco Angulo (Gaivota, 33'/2T); Favarelli (Mateo Ortiz, 45'/2T); Pellerano e Sornoza (Ayovi, 33'/2T); Chávez (Caicedo, 45'2T) e Lautaro Díaz (João Ortiz, 33'/2T). Técnico: Martín Anselmi.