Devendra Banhart: 'Só faço o que faço na esperança de impressionar Caetano'

A pedido do GLOBO, cantor e compositor americano escreve sobre o ícone baiano que completa 80 anos neste 7 de agosto; leia também os textos de Fito Paez, Jorge Drexler, Mario Lucio Vaz, David Byrne, Sônia Braga, Igiaba Scego, Carminho e Gilberto Gil. Abaixo, o texto de Devendra Banhart.

Caetano, 80 anos: referência absoluta da MPB, artista celebra aniversário com live em família

Onde ver, ouvir, ler Caetano Veloso: cardápio traz de show ao vivo no Globoplay a livros inéditos

"Algumas Palavras para Caetano,

Um pequeno canto... Caetaniando…

E o teu aniversário…

Você está em Los Angeles, ainda marginal… e você, ainda meu herói! Você sabe, é um fato, De novo e de novo arqueólogos encontram o primeiro instrumento, uma flauta feita de osso... sempre pronta para ser sua voz, de novo e de novo…. Uma voz de que eu preciso, todos os dias… Só para deixar meu DNA a'flutterin... Só para alegrar os ancestrais em meu sangue... Seria uma oportunidade perdida, para não tentar te dar um beijo de boa noite, Toda noite... perfeições e bem-aventuranças…

Às vezes acho que só faço o que faço na esperança de impressionar você, & parece razoável e vale a pena, fazer o objetivo mais alto da minha carreira, esperar um dia impressioná-lo levemente. Caetano, Hathor, Bastet, Saraswati, Xochiquetzal, Oxum, de volta a Caetano... mais perto de nós do que da nossa própria pele.

Acho que Bob Hurwitz e eu nunca saímos sem falar sobre você, maravilhando-se com sua mente e elogiando sua voz de lótus... depois de alguns drinques, começamos a nomear suas músicas como duas crianças colecionando cartões de beisebol...

“Terra”… Canção do meu coração... sua música se tornou a matéria-prima da minha vida, mudou minha fisiologia…

E agora “Meu coco”, Bravoooo! Ahhhh! Sim!

Cavalo nas nuvens, terra empapada de sangue, mundo Caetano... Um insight que me encheu de urgência, uma NECESSIDADE de ser eu mesmo…. o que significava, é claro, encontrar minha voz...

tudo graças a você, querido Caetano, nosso grande príncipe… Feliz aniversário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos