Dez dicas para economizar combustível ao dirigir

1 / 2

70732562_EC - Rio 25-07-2017 Imposto para combustíveis - Liminar - Em limi.jpg

Posto de combustíveis no Aterro do Flamengo, Zona Sul do Rio

RIO - Quem tem carro sentiu bastante o aumento do preço dos combustíveis, principalmente o álcool, ao longo de 2019. Nas bombas do estado do Rio, o etanol hidratado subiu 20,4% no acumulado do ano, enquanto a gasolina avançou 3,8%, e o GNV, cerca de 2%. Para diminuir os impactos no bolso, adotar um estilo de direção mais econômico e não descuidar da manutenção do automóvel são medidas que ajudam a reduzir o consumo do motor.

Quando sabe que pode enfrentar engarrafamentos, o engenheiro mecânico Jorge Dias, de 56 anos, se organiza para sair mais cedo de casa, fugir do trânsito e, assim, poupar gasolina. Além disso, ele procura manter o tanque cheio para evitar perdas por evaporação.

— Ainda mais na época de calor, se o tanque estiver com pouco combustível, o carro perde gasolina mesmo se estiver parado — diz o "caçador de ofertas" do "Qual oferta", plataforma dos jornais EXTRA, O Globo e Expresso que reúne, no impresso e no digital, as melhores promoções de supermercados, drogarias e lojas de departamento de Rio e Grande Rio.

Veja, abaixo, dez dicas para economizar combustível.

1 - Evite acelerações e frenagens bruscas. Se precisar parar lá na frente, tire o pé do acelerador com antecedência.

2 - Não estique as marchas sem necessidade ao acelerar. Procure fazer as trocas em rotação adequada. Automóveis modernos têm um indicador — normalmente uma luz piscante, chamada "shift light" — que informa o momento mais econômico para a troca de marcha. Fique de olho nela.

3 - Em rodovias, utilize a sexta marcha, caso seu carro tenha esse recurso.

4 - Configure o computador de bordo do carro para mostrar o consumo imediato ou médio de combustível. Assim, você poderá ajustar sua maneira de dirigir e conduzir o veículo de forma mais econômica.

5 - Use o ar-condicionado em estradas. Com as janelas bem fechadas, a aerodinâmica melhora e, consequentemente, o consumo de combustível cai.

6 - Faça revisões e manutenções preventivas no carro. Verifique especialmente o estado das velas, da injeção eletrônica e do filtro de ar — sujo, ele eleva o consumo de combustível, e, por isso, deve ser substituído a cada dez mil quilômetros rodados, em média.

7 - Calibre os pneus uma vez por semana para mantê-los com a pressão correta. Os pneus devem estar frios no momento da calibragem.

8 - Retire objetos desnecessários do porta-malas. Fazer o carro levar mais peso aumenta o consumo de combustível.

9 - Abasteça em postos confiáveis ou conhecidos, para evitar comprar combustível adulterado. E não se preocupe em dar preferência à gasolina aditivada: com gasolina comum, que é mais barata, os carros têm o mesmo rendimento.

10 - Dirija em ritmo um pouco mais lento que o usual, sobretudo nas velocidades acima de 100km/h.