DF: Polícia prende suspeito de matar duas pessoas por conta de bola chutada em carro

Arma de fogo (Foto: Getty Images)
Arma de fogo (Foto: Getty Images)

A polícia prendeu um homem de 24 anos, na última sexta-feira (5), suspeito de matar duas pessoas por conta de uma bola chutada no carro dele, no Distrito Federal.

O suspeito foi encontrado na casa da namorada. Ele já tem passagens pela polícia e, segundo investigações, está ligado ao Comando Vermelho. A informação é do portal g1.

O crime ocorreu em maio, na QNO 19/20, em Ceilândia, e foi flagrado por câmeras de segurança. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

No vídeo, é possível ver o momento em que uma vítima, já baleada, correu para escapar do suspeito. Em seguida, o criminoso, que estava em um carro, desceu e se aproximou da vítima. Ele deu várias facadas no homem ferido e fugiu.

De acordo com a Polícia Civil, essa vítima foi quem discutiu com o assassino e chutou a bola no carro dele. Momentos antes do esfaqueamento registrado pelas câmeras, o criminoso já tinha baleado o desafeto e ainda atirou contra um outro homem.

Segundo os investigadores, o segundo atingido não tinha envolvimento com a briga, mas foi baleado porque estava comprando drogas no local.

A polícia não deu mais detalhes sobre a discussão entre os envolvidos.

O mandado de prisão temporária do suspeito foi expedido pela Vara do Tribunal do Júri de Ceilândia.

Ele foi encontrado na casa da namorada, em Luziânia, no Entorno do DF. De acordo com a Polícia Civil, o homem tem ligações com uma facção criminosa.