Príncipe Charles visita centros de educação apoiados pela UE na Romênia

Bucareste, 31 mar (EFE).- O príncipe Charles esteve nesta sexta-feira a cidade romena de Vizuresti, com o objetivo de visitar um projeto da União Europeia (UE) voltado à educação e à melhoria dos serviços públicos.

O filho da rainha Elizabeth II foi à escola pública, à creche e à Casa de Cultura do município, três entidades apoiadas pela UE, e mostrou interesse em conhecer como vivem os moradores do local.

Antes, Charles quebrou o protocolo ao permitir um abraço a um menino de 11 anos enquanto passeava pelo centro de Bucareste. Na região, ele visitou o Hanul Manuc, uma emblemática estrutura construída em 1806, e a Igreja Stavropoleos.

No último dia da agenda oficial à Romênia, o herdeiro da coroa britânica assistiu esta manhã a três espetáculos no Teatro Nacional de Bucareste. Depois foi ao asilo Casa da Esperança, onde conversou com pacientes com doenças incuráveis.

Durante sua visita de três dias à Romênia, o príncipe de Gales se reuniu com o presidente do país, Klaus Iohannis; o primeiro-ministro, Sorin Grindeanu, o patriarca Daniel, chefe da Igreja ortodoxa romena, e a princesa herdeira Margareta, aspirante ao trono.

O príncipe Charles tem duas propriedades na Transilvânia: uma no Vale do Zalanului, aberta aos turistas, e outra na aldeia de Viscri, na província de Brasov, onde fica a sede da Fundação Príncipe Charles de Gales, cujo objetivo é preservar o patrimônio e apoiar o desenvolvimento sustentável da região. Charles é descendente do nobre romeno Vlad, o Empalador, o mesmo que inspirou o escritor Bram Stoker a idealizar Drácula.

O príncipe de Gales começará amanhã uma visita à Itália e ao Vaticano, antes de terminar sua atual viagem na Áustria, entre os dias 5 e 6 de abril. EFE