Dia dos Mortos contra o feminicídio

O Dia dos Mortos foi celebrado com cantos e danças, mas também com protestos na Guatemala e no México. Dezenas de mulheres, pintadas como as tradicionais 'Catrinas', gritaram contra o feminicídio, em meio às tradições festivas pela data.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos