Diária de hospital que Bolsonaro está internado custa mais de R$ 5 mil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Jair Bolsonaro
    38.º presidente do Brasil
  • Presidente foi internado na madrugada de segunda-feira, após incomodo no domingo

  • Além da diária, consulta de médico de Bolsonaro custa mais de mil reais

  • Essa é a 6ª internação de Bolsonaro devido a problemas decorrentes do ataque sofrido durante a campanha

O Hospital Vila Nova Star, onde Bolsonaro está internado com obstrução intestinal, é considerado um o mais luxuoso da Rede D'Or, muitas vezes sendo referido como um hospital "seis estrelas".  

Focado no atendimento dos setores mais ricos da sociedade brasileira, o hospital conta com aparelhos de última geração, sete salas cirúrgicas, uma sala hemodinâmica e 90 leitos, sendo 38 de UTI.

Se tem algo que serve como indicativo de todo esse investimento, é o preço da diária: R$ 5.355,98

Além desse valor, também deverá ser pago a consulta do médico titular de Jair Bolsonaro, Dr. Macedo, que cobra mais de mil reais por visita.

Problemas gastrointestinais do presidente

Essa é a segunda vez que o presidente se internou neste hospital. A primeira foi em julho de 2021, quando ficou quatro dias no Nova Star por conta também de uma obstrução intestinal.

Na época, foi cogitada a possibilidade de uma cirurgia, mas esta foi descartada ao longo do tratamento.

No caso atual, ainda não se sabe a gravidade do caso do presidente, que só será avaliado pelo Dr. Macedo que deve chegar ao país nesta terça-feira às 2h da manhã, visto que estava de férias nas Bahamas.

Até lá, Macedo não tem a dimensão real da situação. No entanto, em entrevista à Folha de São Paulo, o médico disse não acreditar ser necessária intervenção cirúrgica. “Provavelmente, não será necessário cirurgia. O quadro é semelhante ao da última vez”.

Esta é também a 6ª internação do presidente por problemas em decorrência da facada que recebeu em 6 de setembro de 2018, durante sua campanha presidencial.

Bolsonaro estava de férias em SC

O presidente Jair Bolsonaro (PL) foi internado na madrugada de segunda-feira, às 3h da manhã, após passar mal após o almoço de domingo em Santa Catarina, onde estava de férias desde 27 de dezembro.

Bolsonaro vem sendo amplamente criticado por não ter suspendido suas férias e ido acompanhar a situação de calamidade no norte de Minas e sul da Bahia, onde as fortes chuvas já deixaram mais de 471 mil pessoas afetadas e 136 cidades em estado de emergência.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos