Diego Maradona é internado em clínica na Argentina após problemas de saúde

Extra
·1 minuto de leitura
Argentine former football star Diego Maradona gestures during an homage before the start of the Argentina First Division 2020 Superliga Tournament football match Boca Juniors vs Gimnasia La Plata, at La Bombonera stadium, in Buenos Aires, on March 7, 2020. (Photo by ALEJANDRO PAGNI / AFP) (Photo by ALEJANDRO PAGNI/AFP via Getty Images)
Maradona durante homenagem antes de partida do Campeonato Argentino em março de 2020 (ALEJANDRO PAGNI/AFP via Getty Images)

Diego Maradona deu entrada, nesta segunda-feira, em uma clínica médica na cidade de La Plata, na Argentina, poucos dias após completar 60 anos. De acordo com o 'La Nación', o treinador de Gimnasia y Esgrima será submetido a exames.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

De acordo com o jornal Clarín, a decisão de internar Maradona é preventiva por sua situação emocional e decidida na última sexta-feira, após não se sentir bem na breve homenagem que lhe foi feita no Estádio Carmelo Zerillo, antes da partida contra Patronato, pelo Campeonato Argentino.

Leia também:

Maradona mostrou sérias dificuldades em percorrer o caminho entre o vestiário e o gramado, e teve que estar acompanhado por dois assistentes. Após uma breve conversa, ele sentou-se ao lado do banco reserva, mas não terminou de assistir ao primeiro tempo.

Segundo o 'Clarín', pessoas próximas descartaram que a internação se deva a sintomas ligados a Covid-19. A princípio, foi decidida de comum acordo entre Maradona e seu neurocirurgião-chefe, Leopoldo Luque, devido a um quadro emocional que afetou o agora técnico devido à situação da pandemia.

Durante sua quarentena, Maradona passou por um plano pelo qual perdeu 11 quilos e realizou uma operação no joelho em 2019, na qual foi colocado uma prótese.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube