Dificuldade para repor arsenal enfraquece tropas russas na Ucrânia

Com um desfile militar mais enxuto do que no ano passado, a Rússia estaria enfrentando dificuldades em repor seu arsenal de mísseis de precisão devido às sanções impostas por países ocidentais. De acordo com observadores, o Kremlin também sofreria com a perda de generais que enfraquece suas tropas.

Durante o desfile de celebração dos 77 anos da vitória soviética sobre os nazistas, em 9 de maio, a Rússia exibiu, como de costume na data, seu poderio militar com tanques, artilharia e até mísseis intercontinentais para ogivas nucleares.

Mas, segundo observadores, se comparado com o desfile de 2021, o número de tanques presentes na Praça Vermelha, em Moscou, na segunda-feira (9), era muito mais modesto, assim como o de soldados. Isto poderia ser um resultado da guerra na Ucrânia.

De acordo com um responsável do Pentágono, o efeito das sanções internacionais na indústria russa do armamento já está sendo sentido. O Kremlin encontra dificuldades para repor os mísseis guiados usados pelo Exército na Ucrânia, devido ao embargo sob peças eletrônicas ao qual a Rússia está sujeita.

O Exército russo teria lançado tantos mísseis na Ucrânia que armamentos guiados de precisão estão em falta, indicou à imprensa o alto responsável americano que não quis ser identificado.

Por isso, as grandes cidades como Mariupol ou Kharkiv são alvos de “bombas não teleguiadas”, que não estão adaptadas para “diferenciar entre um alvo militar e um imóvel de residências”, explicou.

Problemas de bastecimento e disciplina

Baixas na artilharia


Leia mais

Leia também:
Países do G7 prometem eliminar importações de petróleo da Rússia e EUA aumentam sanções
"Vocês lutam pela pátria", diz Putin sobre guerra na Ucrânia em aniversário do "Dia da Vitória"
Putin usa desfile militar para resgatar patriotismo russo da Segunda Guerra Mundial

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos