Dinamarca proíbe influenciadores de fazer publicidade de procedimentos estéticos para menores de 18 anos

·1 min de leitura

A partir de 1º de janeiro de 2022, influenciadores digitais dinamarqueses estarão proibidos de promover produtos e serviços considerados inadequados para crianças e adolescentes com menos de 18 anos de idade. A violação pode resultar em uma multa de pelo menos 25 mil coroas dinamarquesas, o que corresponde a aproximadamente R$ 21 mil.

Fernanda Melo Larsen, correspondente da RFI em Copenhague

A lei foi aprovada pelo Parlamento da Dinamarca na semana passada. De acordo com o Ministério da Indústria e Comércio do país, além de cirurgias plásticas, a medida também abrange serviços de tatuagem, depilação, clareamento dental, produtos emagrecedores, cabines de bronzeamento artificial e bebidas energéticas.

As crianças não devem ser expostas a anúncios de produtos que não sejam adequados para a idade delas. Por isso, é necessário tornarmos a lei mais rígida, e estamos fazendo isso agora”, afirmou o ministro do Comércio e da Indústria, Simon Kollerup.

Anúncios sobre sites de relacionamento proibidos

Os influenciadores dinamarqueses também estão proibidos de fazer publicidade para sites de encontros amorosos. O objetivo é combater o “sugar date”, termo em inglês que se refere ao relacionamento de um jovem com uma pessoa mais velha, em troca de um estilo de vida luxuoso. O fenômeno global tem crescido no país escandinavo, uma prática que chega a ser comparada à prostituição.

Medida similar já foi aplicada na Noruega


Leia mais

Leia também:
Movimento #HealthyFood: influencers combatem anorexia no Instagram
Atividade de influenciadores mirins nas redes sociais tem regras definidas na França
França decreta multa contra modelos anoréxicas e impõe menção de foto retocada

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos