Dinheiro 'esquecido': maioria tem menos de R$ 1 a receber

·2 min de leitura
Maior parte das pessoas tem menos de R$ 1 real a receber no sistema do dinheiro esquecido
Maior parte das pessoas tem menos de R$ 1 real a receber no sistema do dinheiro esquecido
  • Quase 14 milhões tem menos de R$ 1 real a receber, e quase 9 milhões tem menos de R$ 10;

  • Cerca de 1.300 pessoas tem mais de R$ 100.000 no dinheiro esquecido.

  • Banco Central liberou as informações de quantas pessoas tem a receber por cada faixa de valor;

O Banco Central informou, nesta segunda-feira, 14, a quantidade de pessoas que têm valores a receber de acordo com a faixa de quantia que receberão. De acordo com o BC, a maior parte das pessoas físicas têm valores de até R$ 10 a receber.

Esse dinheiro, chamado de "dinheiro esquecido", é relativo à primeira rodada de R$ 8 bilhões que o Banco Central afirma haver em contas paradas desativadas no país. Nesta primeira rodada de saques, há R$ 4 bilhões sendo disponibilizados para saques entre pessoas físicas e jurídicas.

Faixas de valor

De acordo com o Banco Central, nessa primeira fase são cerca de 28 milhões de brasileiros beneficiados. Entretanto, quase 14 milhões têm menos de R$ 1 no Sistema Valores a Receber (SVR). Ao todo, no entanto, essas pessoas têm um total de R$ 5 milhões parados.

Por outro lado, 1.318 pessoas têm mais de R$ 100 mil à sua espera, totalizando R$ 279 milhões. Na internet, brasileiros que sonhavam com uma dessas boladas, ficaram decepcionados ao entrar no sistema de descobrir que na verdade faziam parte do primeiro grupo.

Confira abaixo as faixas de valor e quantas pessoas beneficiárias tem em cada faixa.

Faixas de Valor

Número de pessoas

Valor total da faixa

De R$ 0 a R$ 1

13.843.036

R$ 5.033.234,69

De R$ 1,01 a R$ 10

8.704.885

R$ 36.182.045,83

De R$ 10,01 a R$ 100

6.663.694

R$ 265.026.222,91

De R$ 100,01 a R$ 1.000

2.748.246

R$ 855.273.511,42

De R$ 1.000,01 a R$ 10.000

364.817

R$ 975.965.783,43

De R$ 10.000,01 a R$ 100.000

36.029

R$ 836.890.278,66

Acima de R$ 100.000

1.318

R$ 279.797.731,83

De acordo com o Banco Central, há mais de uma conta com valores a receber associados ao mesmo CPF. Dessa forma, se um beneficiário tem valores a receber de mais de um banco, ele é contabilizado mais de uma vez na tabela. Isto pode ocasionar divergências entre os números da tabela e os números anunciados anteriormente pela instituição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos