Diplomatas e militares russos conversarão sobre segurança com EUA no próximo mês

·1 min de leitura
Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, conversa com jornalistas em Nova Délhi

MOSCOU (Reuters) - Diplomatas e oficiais militares russos vão conversar com os Estados Unidos no mês que vem sobre uma lista de garantias de segurança que Moscou quer de Washington, disse o chanceler russo, Sergei Lavrov, nesta segunda-feira.

Lavrov fez os comentários durante uma entrevista transmitida ao vivo no site do ministério.

Ele disse que as negociações ocorrerão imediatamente após o feriado de Ano Novo na Rússia. O primeiro dia útil oficial de 2022 no país é 10 de janeiro.

A Rússia disse no domingo que recebeu e está considerando uma proposta separada da aliança militar Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) para iniciar conversas sobre as preocupações de segurança de Moscou em 12 de janeiro.

(Por Andrew Osborn e Anton Kolodyazhnyy)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos