Diretor da AIEA diz que negociações com Irã mostraram-se inconclusivas

·1 min de leitura
Diretor-geral da AIEA, Rafael Grossi, durante reunião em Teerã

VIENA (Reuters) - O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU), Rafael Grossi, disse nesta quarta-feira ao conselho de governadores do órgão que as negociações que ele havia realizado em Teerã esta semana sobre o programa nuclear do Irã se mostraram inconclusivas.

"Em 23 de novembro de 2021, tive reuniões em Teerã com o vice-presidente do Irã e chefe da Organização de Energia Atômica do Irã, Sua Excelência Mohammad Eslami, e o ministro das Relações Exteriores do Irã, Sua Excelência Hossein Amir-Abdollahian", disse Grossi em uma declaração à assembléia de governadores de 35 nações, antes de sua reunião trimestral.

"Apesar dos meus melhores esforços, estas negociações e deliberações extensas para tratar das questões pendentes do Irã em matéria de salvaguardas, detalhadas nos dois relatórios, revelaram-se inconclusivas", disse ele, referindo-se aos relatórios recentemente emitidos pela agência.

(Reportagem de Francois Murphy)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos