Diretor financeiro de banco de criptomoedas Voyager vai renunciar meses após nomeação

BENGALURU, Índia (Reuters) - O diretor financeiro do banco de criptomoedas Voyager Digital, Ashwin Prithipaul, está se preparando para deixar a companhia meses depois de sua indicação para o posto na empresa que pediu recuperação judicial em julho.

O banco afirmou nesta sexta-feira que o executivo vai renunciar após um período de transição para buscar novas oportunidades e que o presidente-executivo, Stephen Ehrlich, vai acumular a função interinamente.

Bancos de criptomoedas como a Voyager tiveram crescimento acelerado durante a pandemia de Covid-19, atraindo depósitos com a promessa de remuneração de altas taxas de juros e ofertando empréstimos raramente oferecidos por bancos tradicionais.

Mas a alta dos juros dos Estados Unidos pelo Fed levou a uma desvalorização dessa classe de ativos que causou estragos em uma série de empresas no setor.

A corretora de ativos digitais Coinbase Global e o banco de criptomoedas BlockFi foram forçados a cortar empregos, enquanto o fundo de hedge de Cingapura focado em moedas digitais Three Arrows Capital entrou com pedido de recuperação judicial.