Diretor-geral da AIEA visitará Teerã no domingo

·1 minuto de leitura
(Arquivo) O diretor-geral da AIEA, Rafael Grossi (AFP/JOE KLAMAR)

O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) deve viajar a Teerã no domingo (12) para tentar acalmar as tensões com o Irã, que acusou esta semana de falta de cooperação, disse a instituição neste sábado (11).

"Rafael Grossi se encontrará com o vice-presidente da República Islâmica e chefe da Organização de Energia Atômica do Irã, Mohammad Eslami", disse o órgão da ONU em comunicado enviado à AFP.

O funcionário da AIEA fará uma coletiva de imprensa ao retornar ao aeroporto de Viena "por volta das 20h30" (15h30, no horário de Brasília), acrescentou.

A visita ocorre depois que a agência divulgou um relatório especialmente severo no início desta semana e uma reunião de sua Assembleia de Governadores foi marcada para a próxima semana.

Desde fevereiro de 2021, as atividades de verificação e supervisão da agência foram severamente prejudicadas pela decisão do Irã de restringir as inspeções, de acordo com o relatório consultado pela AFP.

O presidente iraniano, Ebrahim Raissi, reagiu garantindo que seu país estava sendo "transparente".

Mas as grandes potências estão perdendo a paciência, mais de dois meses após a suspensão das negociações iniciadas em abril em Viena, sob a supervisão da União Europeia, para tentar ressuscitar o acordo internacional de 2015.

anb/cls/bl-pc/eg/AP

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos