Diretor de "O Silêncio dos Inocentes", Jonathan Demme, morre aos 73 anos, diz assessora

Diretor Jonathan Demme (à direita) recebe prêmio ao lado do ator Terence Stamp 06/12/2012 REUTERS/Abderrahmane Mokhtari

NOVA YORK (Reuters) - O diretor Jonathan Demme, mais conhecido pelo filme "O Silêncio dos Inocentes", morreu aos 73 anos, informou sua assessora de imprensa nesta quarta-feira.

Demme, que também dirigiu o filme vencedor do Oscar "Filadélfia" estava sofrendo com um câncer no esôfago, disse a assessora de imprensa Annalee Paulo, em comunicado. Ela disse que o diretor morreu em Nova York na manhã desta quarta-feira cercado por familiares.

O filme mais recente de Demme foi a comédia de 2015 "Ricki and Flash - De Volta pra Casa", estrelando Meryl Streep, como uma rockeira em envelhecimento.

Nascido em Nova York, Demme ganhou o Oscar de melhor diretor em 1991 pelo thriller "O Silêncio dos Inocentes", que também ganhou o Oscar de melhor filme, melhor ator, Anthony Hopkins, e melhor atriz, Jodie Foster.

(Reportagem de Jill Serjeant)