Dois homens morrem soterrados por 80 toneladas de trigo em Guarapuava-PR

·1 min de leitura
Silo desabou e matou dois trabalhadores - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
Silo desabou e matou dois trabalhadores - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
  • Silo desabou e matou dois funcionários da empresa no Paraná

  • Eles foram soterrados por cerca de 80 toneladas de trigo

  • Empresa lamentou o fato e prometeu prestar auxílio às famílias

Dois trabalhadores morreram na tarde da última segunda-feira (15), em Guarapuava, no Paraná, atingidos por um silo que desabou. Eles foram soterrados por cerca de 80 toneladas de trigo.

As vítimas tinham 27 e 41 anos e trabalhavam como colaboradores na empresa de beneficiamento de cereais responsável pelo silo, localizada no km 359 da BR-277.

O Corpo de Bombeiros informou que não foi possível determinar o que ocasionou a queda e nem a causa exata das mortes.

A quantidade de trigo dificultou o resgate dos corpos, que durou cerca de uma hora e precisou do auxílio de outros trabalhadores, assim como do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), de policiais militares e da Polícia Científica.

Resgate durou cerca de uma hora - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
Resgate durou cerca de uma hora - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

“Aparentemente um deles estava subindo a escada e o outro estaria perto da base do silo no momento da queda, mas só a perícia poderá afirmar”, declarou ao G1 o tenente do Corpo de Bombeiros Edimar Souza Penteado.

Um médico do Samu presente no local foi responsável por confirmar os óbitos. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava. As identidades das vítimas não foram reveladas.

Empresa se manifesta

Responsável pelo silo, a empresa Agropecuária Tateiva lamentou as mortes dos colaboradores. Em nota ao G1, garantiu que prestou atendimento a ambos logo após o acidente e também está em contato com as famílias das vítimas para auxiliá-las no que for necessário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos