Dois homens são presos na França por suspeita de planejar ataque durante eleição

Homem passa por cartazes de campanha dos candidados à Presidência da França. 15/04/2017 REUTERS/Jean-Paul Pelissier

PARIS (Reuters) - Dois homens foram presos em Marselha, no sul da França, por suspeita de planejar um ataque durante a eleição presidencial que acontecerá no próximo domingo, informaram fontes policiais e judiciais nesta terça-feira.

A polícia já estava atrás da dupla desde o final da semana passada e os dois homens foram presos com alguns minutos de diferença no porto da cidade francesa, segundo fonte da polícia.

A fonte acrescentou que um deles havia se convertido a uma vertente radical do islã.

A França vai às urnas para escolher um novo presidente no dia 23 de abril, com segundo turno planejado para o dia 7 de maio. Mais de 230 pessoas morreram em ataques militantes islâmicos no país durante os últimos dois anos.

(Reportagem de Andrew Callus)