Dois meses após sua morte, famosos homenageiam Paulo Gustavo

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL 11.12.2019 Paulo Gustavo (ator). Pré-estreia do filme
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL 11.12.2019 Paulo Gustavo (ator). Pré-estreia do filme

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Neste sábado (4), se completam dois meses da morte do humorista Paulo Gustavo, aos 42, por complicações de Covid. Em sua memória, parentes e amigos se manifestaram em suas redes sociais lembrando do legado do comediante.

A irmã do ator, Juliana Amaral, enfatizou sua perplexidade diante da perda. "Jesus, me dê forças pra aguentar, pra não enlouquecer! Te amo pra sempre Tatau."

A humorista Tatá Werneck disse que sonha quase todos os dias com o amigo. "Só passaram dois meses dessa angústia. Perdi 3 amigos jovens na pandemia. Você não é nem mais amigo Paulo. Você virou lenda. A gente te ama muito", escreveu. Além da mensagem de carinho, Werneck listou os cuidados para se prevenir da Covid-19, enfatizando o uso de máscara, o distanciamento social e a vacinação.

A atriz Ingrid Guimarães, que na segunda-feira (5) completa 49 anos, lamentou a ausência de seu amigo em suas comemorações. "Dava os melhores presentes jogando na cara o preço e eu ria tanto! Eu vou sentir muita saudades de ter você amanhã comigo. É até estranho falar por aqui. Mas é que não quero deixar de lembrar nunca."

Também prestaram homenagem Preta Gil, Mônica Martelli e Samantha Schmütz.

Diagnosticado com Covid, o ator foi internado em 13 de março, em um hospital no Rio de Janeiro e, uma semana depois, precisou ser intubado. Após quase dois meses de internação, os médicos declararam que seu quadro clínico era irreversível. A missa de sétimo dia foi realizada no Cristo Redentor.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos