Doria anuncia hospital de campanha com 268 leitos no Ibirapuera

ARTUR RODRIGUES
***FOTO DE ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, BRASIL, 27-03-2020: O governador João Doria, durante coletiva de imprensa após visita as obras de instalação do Hospital Municipal de Campanha de Combate ao Coronavírus no estádio do Pacaembu. (Foto: Eduardo Anizelli/ Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governador João Doria (PSDB) anunciou um terceiro hospital de campanha no ginásio do parque Ibirapuera, na zona sul de São Paulo, para atender pacientes com coronavírus.

O anúncio foi feito nesta segunda-feira (6) no Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi, em entrevista coletiva que o tucano dá diariamente.

Atualmente, a cidade de São Paulo tem outros dois hospitais, no Anhembi e Pacaembu. O hospital terá 268 leitos de baixa complexidade, num espaço com 7,5 mil m².

Atualmente, a cidade tem 4.861 casos de coronavírus, com 304 óbitos.

"Ele atende os pacientes de média complexidade, são aqueles que necessitam de internação, mas não em hospitais de média e alta complexidade. Ele tem como sustentar a vida de pacientes que eventualmente tenham um agravo. Isso possibilita que os hospitais de alta complexidade sejam preservados para os doentes mais graves", afirmou o infectologista David Uip, coordenador do centro de contingência contra o coronavírus em São Paulo.

Doria também anunciou 1 milhão de cestas básicas, com gasto de R$ 110 milhões, por meio de parceria com a iniciativa privada. O governo estima que 4 milhões de pessoas em situação de extrema pobreza sejam atendidas.