Doria diz que votará nulo se disputa for entre Lula e Bolsonaro

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
João Doria (Foto: REUTERS/Carla Carniel)
João Doria (Foto: REUTERS/Carla Carniel)

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) afirmou que votará nulo se a disputa da eleição presidencial deste ano for entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o atual presidente Jair Bolsonaro (PL).

“Pela primeira vez na vida, se isso acontecer, vou anular o meu voto. Nunca votei em branco e nunca anulei. Quero estar em paz com minha consciência”, disse Doria em entrevista à revista Veja.

Doria acrescentou dizendo que o país não precisa de um populista.

“O populismo não vai diminuir a miséria, nem melhorar a condição do povo. Quando você tem governos populistas, você impõe sofrimento, mordaça, atitudes que condenam as ideias mais modernas de liberalismo econômico. O Brasil não precisa de ideologia. Precisa mesmo é de administração, gestão, eficiência, honestidade.”

Na avaliação do ex-governador, em caso de derrota de Bolsonaro, o mandatário poderá tentar um golpe ou criar confusão.

"Vejo momentos turbulentos pela frente. Bolsonaro não irá aceitar não apenas a derrota, mas também a perspectiva da derrota. Bolsonaro claramente é um golpista, que advoga e abraça o golpe como forma de se perenizar no poder. Ele afronta a Constituição e defende a ditadura. Eu sei o que foi a ditadura: meu pai foi cassado pelo golpe militar de 1964. Eu vivi isso de perto.”

Na semana passada, o tucano anunciou que vai voltar a trabalhar no setor privado, mas que continuará filiado ao PSDB. No final de maio, ele desistiu da candidatura à Presidência da República.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos