Dorival Júnior deixa o Ceará e tem caminho livre para acerto com Flamengo

O Flamengo já tem um substituto encaminhado para o lugar de Paulo Sousa: Dorival Júnior. Isso porque o treinador já acertou a sua saída do Ceará e tem caminho livre para um acordo com o rubro-negro. A informação foi divulgada inicialmente pelo 'ge'.

No Ceará, Dorival Júnior trabalhou por 73 dias, com 18 jogos: 11 vitórias, quatro empates e três derrotas. Ele retornará ao Flamengo para a sua terceira passagem pelo clube.

Outro nome bem avaliado pelo Flamengo era o de Cuca, que tinha a aprovação de parte dos membros da alta cúpula de futebol rubro-negro. O fato de já conhecer o futebol brasileiro e ter vindo de um título nacional com o Atlético-MG pesa a favor e era usado como argumento para convencer o presidente Rodolfo Landim.

No entanto, o Flamengo precisava de um substituto imediato e precisava lutar contra os desejos de momento do treinador. Isso porque ele aguarda contato da CBF para ser o substituto de Tite na seleção brasileira. O atual comandante já anunciou que deixará o cargo após a Copa do Mundo de 2022. Assim, Dorival tomou a dianteira.

No retorno ao Flamengo, Dorival reencontrará o goleiro Diego Alves, que viveram em combate durante a última passagem do técnico pelo rubro-negro, em 2018. Na época, o técnico paulista conduziu o time em uma boa arrancada no Brasileirão que deu o vice-campeonato ao Flamengo. O goleiro havia recém chegado da Espanha como reforço da equipe, mas acabou não tendo espaço, já que o escolhido de Dorival para ser titular foi César.

O treinador explicou que o motivo de preterir Diego Alves foi uma lesão combinada a uma boa sequência do concorrente na posição. O ex-goleiro do Valencia, porém, não gostou da decisão, e isso fez com que ele quase deixasse o rubro-negro logo após chegar.

Durante esse período, os dois teriam até protagonizado uma deiscussão em frente ao elenco durante uma sessão de treinamento, o que posteriormente foi negado por Dorival. O técnico deixou a equipe ao final da temporada, e atualmente ele comanda o Ceará.

Anos depois, o goleiro viveu situação parecida com Paulo Sousa. O português decidiu barrar o veterano e apostar em Hugo no gol do Flamengo, o que novamente deixou Alves incomodado. Ele disputou apenas duas partidas em 2022 e seu contrato com o clube acaba em dezembro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos